RSS

10 de agosto de 2008


"Tenho o costume de andar pelas estradas
Olhando para a direita e para a esquerda...
E, de vez em quando, olhando para trás...
E o que vejo a cada momento
É aquilo que nunca antes eu tinha visto."

Alberto Caieiro

V




Escrever nem uma coisa
Nem outra -
A fim de dizer todas -
Ou, pelo menos, nenhumas.

Assim,
Ao poeta faz bem
Desexplicar -
Tanto quanto escurecer acende os vagalumes.


Manoel de Barros
in O Guardador de Águas